O CATI - Centro de Apoio à Terceira Idade de S. Mamede Infesta, iniciou no passado mês de Janeiro o projecto de Requalificação e Modernização da sua Estrutura Residencial para Pessoas Idosas, projecto esse financiado pelo Programa NORTE 2020 a 85% e pela Câmara Municipal de Matosinhos a 15%.

    Ficha de operação Programa Norte 2020

 

Com este projecto, pretende-se requalificar e modernizar uma parte significativa da Estrutura Residencial através de obras de melhoramento nos quartos residenciais, casas de banho de apoio ao salão de convívio e actualizar o equipamento para as novas gerações de utentes, através da ampliação da rede wi-fi e aquisição de equipamentos informáticos. 

Assim, este projecto vai contribuir significativamente para a qualidade de vida dos seus utentes, seus colaboradores, familiares dos utentes e todas as pessoas que frequentam e visitam o equipamento social, nomeadamente sócios, grupos de estágio, visitas, entre outros. 

Com este projecto pretende-se não só dar respostas para o nosso presente mas também para o que vai ser o nosso futuro, dotando a estrutura residencial de equipamentos tecnológicos que permitem melhorar o dia-a-dia de todos, equipamentos que facilitam a autonomia e mobilidade dos utentes e a ergonomia no trabalho, através da aquisição de camas articuladas eléctricas com elevação em altura e ajudas técnicas, mas também equipamentos que melhoram a segurança, como os alarmes de socorro a instalar nas casas de banho dos quartos. Pretende-se com esta requalificação humanizar a nossa Instituição, requalificando áreas tão importantes como são os quartos dos utentes e suas casas de banho, através da renovação do mobiliário e requalificação do ambiente através de materiais seguros ergonómicos e recomendados para a área geriátrica.

Pretende-se também entrar na era digital ampliando a rede WI-FI a toda a estrutura, dando a possibilidade a todas as pessoas de se ligarem ao mundo e comunicarem com o mundo, através de equipamentos informáticos e Smart TVs WI-FI, melhorando assim a integração de pessoas institucionalizadas na sociedade, aumentando a comunicação com as gerações mais novas (nomeadamente filhos e netos), e favorecendo o trabalho em rede da Instituição, facilitando um trabalho multidisciplinar com base nos registos digitais de toda informação aumentando assim a eficiência e a eficácia do trabalho desenvolvido e diminuindo custos operacionais. 

Também com este projecto pretende-se melhorar a eficiência energética do equipamento, renovando todas as lâmpadas dos quartos, suas casas de banho e casas de banho de apoio ao salão de convívio para lâmpadas Led, ajudando assim a melhorar a sustentabilidade da Instituição